Dmae instala nova adutora entre os bairros Mansour e Luizote

Nova tubulação vai substituir trecho da atual que apresenta pontos de corrosão

Foto: Comunicação Dmae

O Departamento Municipal de Água e Esgoto (Dmae) está instalando uma nova adutora na rua Rio Corumbá entre os bairros Luizote e Mansour. Ao todo serão instalados 400 metros para substituir a tubulação que apresenta pontos de corrosão. O serviço foi iniciado nesta semana e cerca de 150 metros já foram instalados. A conclusão e ligação da rede está prevista para ocorrer em 30 dias.

O serviço será feito por etapas. A instalação da nova adutora não interfere no abastecimento para os bairros. Os 400 metros a serem instalados possuem um diâmetro de 570mm. De acordo com o diretor técnico do Dmae, Geraldo Sílvio, após a conclusão da obra, ocorrerá a interligação do novo trecho da adutora no reservatório, desativando a rede existente.

“Como este trecho específico apresenta ponto de desgaste no aço, concluímos que a substituição é a solução para minimizar a necessidade de reparos por vazamentos na rede de água dos bairros Mansour e parte do Luizote. A nova tubulação traz estabilidade no abastecimento, uma vez que a vida útil de uma adutora é superior a 40 anos, garantindo a melhoria do abastecimento e evitando interrupções no fornecimento de água”, afirmou.

Prefeitura investiu nos cuidados com a Saúde e avançou na imunização contra a Covid-19 em 2021

Atual administração adotou ações de prevenção e não mediu esforços para conter grave situação da pandemia; imunização também foi prioridade na linha de trabalho

Foto: Valter de Paula/Secretaria de Governo e Comunicação

O surgimento da pandemia da Covid-19 trouxe inúmeros desafios para a saúde pública no Brasil. Ao enfrentar um vírus desconhecido, o sentimento era de incertezas em relação à condução da doença. Em meio às transformações e ao agravamento da situação em 2021, a Prefeitura de Uberlândia seguiu reforçando o compromisso com a população em garantir leitos, cuidados intensivos e a aplicação da vacina contra a Covid-19.

“O ano de 2021 foi de muitas provações para nós, pois tivemos que lidar com uma nova onda de casos da Covid-19 e garantir que as doses da vacina chegassem a todos o mais rápido possível. Nossa população não podia ficar desassistida e, mais uma vez, fizemos o que estava ao nosso alcance para garantir atendimento, principalmente leitos de internação, conter o vírus na fase mais crítica e avançar com a proteção de todos nos pontos de vacinação. Foram dias difíceis, mas fizemos de tudo para dar o melhor ao novo povo”.

Vacinação contra a Covid-19

Mesmo com a apreensão da pandemia, 2021 começou com uma esperança: o anúncio do Plano de Vacinação contra a Covid-19. A fim de garantir a imunização de todos, o município criou o cadastro para receber as doses, além de várias ferramentas, como o Vacinômetro, para que a população acompanhasse o andamento da vacinação. No dia 19 de janeiro, com um plano de vacinação já definido, a Prefeitura de Uberlândia aplicou a primeira dose do imunizante. Aos 55 anos de idade, a enfermeira Marceli Fernandes de Oliveira foi a primeira pessoa na cidade a ser imunizada contra a Covid-19.

Foto: Valter de Paula/ Secretaria de Governo e Comunicação

Desde então, a Prefeitura de Uberlândia não parou mais. Com o envio de novas doses pelo Governo Estadual, as equipes de imunização estavam de prontidão para levar a vacina à população. Além da estrutura de vacina no sistema drive-thru e as visitas em domicílio e nas Instituições de Longa Permanência (ILPI) para melhor atender os idosos e pessoas com dificuldades de locomoção, a Prefeitura disponibilizou a imunização nas dependências do Uberlândia Tênis Clube (UTC), da Arena Sabiazinho e do Centro Municipal de Cultura.

Toda a estrutura e logística montada pela Secretaria Municipal de Saúde, por meio do Programa de Imunização e das equipes da Atenção Primária, proporcionou a imunização completa de 550 mil pessoas após 11 meses da primeira dose aplicada na cidade. Isso representa em torno de 90% da população acima de 12 anos. Em relação às pessoas com ao menos uma dose, o quantitativo é de 99,5%.

Investimento e medidas de prevenção

Para que a população continuasse sendo assistida no momento mais grave da pandemia, a Prefeitura, que já havia disponibilizando ainda em 2020 dois novos locais de atendimento exclusivos para a Covid-19, ativou novos leitos de UTI nas duas unidades do Hospital Municipal e outros de enfermaria no Centro de Internação Municipal. Além disso, atuou diretamente na prevenção e contenção de novos casos com medidas de restrições estabelecidas pelo Núcleo Estratégico do Comitê Municipal de Enfrentamento à Covid-19.

A atual gestão também investiu em melhorias nas Unidades de Atendimento Integrado (UAI), como troca emergencial dos geradores e ampliação dos tanques de oxigênio, e em outras tecnologias de atendimento, a exemplo dos capacetes de respiração Elmo.

Para continuar proporcionando cuidados com qualidade após a alta hospitalar, a Prefeitura também inaugurou o Centro Vida – Programa Municipal de Reabilitação em Saúde. O local é o primeiro de Minas Gerais com atendimento exclusivo para pacientes que estavam internados e precisam cuidados contínuos. “A Covid-19 é uma doença que trouxe inúmeros desafios para nós, entre eles está a recuperação do paciente após a alta hospitalar. Muitos precisam de cuidados específicos ao sair da unidade, portanto, para garantir que ele continue o acompanhamento, inauguramos o Centro Vida, um local exclusivo do Município, com uma equipe multidisciplinar e pronta para acolher estes pacientes”, destacou o prefeito Odelmo Leão.

Trabalho constante

Paralelamente às ações de combate à Covid-19, a Prefeitura de Uberlândia continuou com o trabalho e o compromisso de levar a melhor saúde pública à comunidade. Entre as atuações da administração do prefeito Odelmo Leão destacam-se, ainda:

– Inauguração do Centro de Internação Pediátrico, com são 30 leitos para atender crianças de até 12 anos.
– Novos televisores nas UAIs para indicar sequência de atendimento dos pacientes.
– Início do serviço de transplante de rins e fígado em parceria com o Hospital UMC, que amplia o serviço de captação e transplantação de órgãos na cidade.
– Entrega de 14 novas ambulâncias à frota da Central de Ambulâncias da rede municipal, ampliando o atendimento à comunidade.
– Inauguração das UBSF Shopping Park e UBS do Bairro Brasil.
– Inauguração do Centro de Especialidades Odontológicas.
– Retomada e reformulação do programa Consultório na Rua. Projeto atende em média 15 pessoas por dia e realiza trabalho de aproximação e mapeamento das pessoas que precisam de cuidados.
– Credenciamento do Hospital Municipal como referência na atenção à gestação de alto risco.
– Transformação do Centro de Internação em unidade clínica para pacientes com outras doenças.
– Início da desapropriação do antigo prédio do Hospital Santa Catarina, hoje Anexo do Hospital Municipal

Parque do Sabiá é opção para lazer durante as férias

Principal cartão postal de Uberlândia conta com diversas atividades oferecidas gratuitamente à população

Fotos: Futel/Divulgação

Nesse período de férias, o Parque do Sabiá é opção ideal para quem busca lazer, diversão e qualidade de vida. O principal cartão postal de Uberlândia conta com diversos espaços e atividades oferecidos gratuitamente à população, com destaque para o Mundo da Criança (parque infantil com mais de 60 brinquedos), o Zoológico Municipal e os passeios de trenzinho e pedalinho (oferecidos aos domingos e feriados, das 10h às 16h).

Para quem quer se exercitar, também são muitas opções: pista de corrida e caminhada com 5 km de extensão, ciclofaixa, quadras poliesportivas, academias ao ar livre e quadras de areia. Outros espaços bastante procurados, especialmente no verão, são as piscinas semiolímpica e infantil, abertas ao público aos domingos, das 10h às 16h.

Segundo o diretor geral da Fundação Uberlandense do Turismo, Esporte e Lazer (Futel), Edson Zanatta, o Parque do Sabiá tem recebido milhares de pessoas todos os dias. “A Prefeitura de Uberlândia, por meio da Futel, não mede esforços para oferecer à população saúde, lazer e qualidade de vida, sempre com muita segurança. Para isso, faz constantes investimentos em seus espaços, sendo o Parque do Sabiá um grande exemplo disso”, ressaltou.

A estudante Bianca Martins, moradora do bairro Santa Mônica, é uma das pessoas que têm aproveitado o período de férias no Parque do Sabiá. “Faço caminhada todos os dias e agora, durante as férias, tenho praticado outras atividades com as minhas amigas, como o vôlei e a peteca. Sempre me sinto muito bem no Parque do Sabiá e costumo dizer que Uberlândia é uma cidade privilegiada por contar com um espaço como esse”, completou.

Funcionamento do Parque do Sabiá
– Pista de caminhada, academias ao ar livre, Mundo da Criança, quadras de areia e quadras esportivas: De segunda a sexta-feira, das 5h às 20h (entrada permitida até 19h), aos sábados, das 5h às 21h (entrada permitida até 20h) e aos domingos e feriados, das 5h às 18h (entrada permitida até 17h).
– Ciclismo e patins: De segunda a sábado, das 10h às 16h
– Ciclismo noturno Speed (treinamento): De segunda a quinta-feira, das 20h às 22h (entrada permitida até 21h)
– Ciclismo noturno (Pedal da Família): Sextas-feiras, das 20h às 22h (entrada permitida até 21h)
– Piscinas: Domingos, das 10h às 16h
– Trenzinho e pedalinhos: Domingos e feriados, das 10h às 12h e das 13h às 16h
– Zoológico: De terça a domingo,das 8h às 17h (entrada permitida até 16h)

Credenciamento de profissionais interessados para atuar como oficineiros termina hoje (21)

Participantes devem ter mais de 18 anos e experiência comprovada na área cultural

Secretaria de Governo e Comunicação

A Secretaria Municipal de Cultura e Turismo continua com as inscrições para o credenciamento de profissionais interessados em atuar como oficineiros do programa Qualificando Saberes, no projeto Oficinas Experimentais de Arte e Cultura. As inscrições são gratuitas e devem ser feitas exclusivamente por meio do formulário da plataforma Google Forms até esta sexta-feira (21).

Os credenciados serão contratados conforme a demanda do projeto. Os oficineiros atuarão em espaços culturais da cidade, oferecendo atividades gratuitas para a população.

Quem pode participar
São aptos ao credenciamento os profissionais que tenham mais de 18 anos, pessoas físicas ou Microempreendedores Individuais (MEI), e que tenham conhecimento técnico ou formação comprovada na área cultural ou artística. Também serão exigidos cursos de nível médio ou equivalentes e o mínimo de dois anos de experiência comprovada em docência na área pretendida.

Os profissionais que tiverem interesse em participar do credenciamento precisam ficar atentos a outras informações importantes, como documentos exigidos, impedimentos, pagamento, funcionamento das oficinas, as fases do processo de credenciamento e critérios de classificação, entre outras. Todas as informações constam no edital Nº 016/2021. (Clique aqui)

Centro de Internação Pediátrica completa um ano de atividades

Em todo o ano de 2021, mais de mil pacientes receberam atendimento de internação

Secretaria de Governo e Comunicação- PMU

Servindo de exemplo do compromisso da gestão Odelmo Leão com a saúde da população, o Centro de Internação Pediátrica (CIP) Missão Sal da Terra Dr. Helder Castro de Bastos completou nesta terça-feira (18) um ano de atividades. O local, que é destinado ao recebimento de casos leves a moderados de crianças de até 12 anos, oferece 30 leitos de enfermaria (sendo dois de isolamento) e conta com uma equipe multidisciplinar composta por médicos, enfermeiras, assistentes sociais, nutricionistas e pedagogos, além de uma ambientação infantil e de espaços, como brinquedoteca e playground.

Neste primeiro ano de atendimentos, foram 1.048 crianças internadas. Com a criação do CIP, o local também passou a ser um novo ponto de entrega de medicamentos para a população que, além do costumeiro atendimento farmacêutico existente em toda a rede, passou a ter acesso a um cuidado especializado com os fármacos pediátricos.

No local, as crianças também passam pelaAssistência Nutricional da unidade. O serviço vai desde a elaboração do cardápio, como refeições e mamadeira, até a orientação e acompanhamento para o aleitamento materno.

Outro serviço oferecido na unidade é o Acolhimento Social. Neste setor, servidores trabalham em caráter interventivo, de forma a promover o desenvolvimento, a mudança e a coesão social em casos necessários. Esse acolhimento se inicia com a visitação nos leitos e, seguindo os instrumentos e métodos multidisciplinares, promovem projetos terapêuticos, mediação de conflitos, acionamento do conselho tutelar, acolhimento familiar, além de, junto com a equipe médica, propor exames, transferência e até a alta social.

Centro de Internação Pediátrica

O Centro é destinado ao recebimento de casos leves a moderados de crianças de até 12 anos, de forma que as situações de alta complexidade continuam sendo direcionadas para o Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU).

A unidade funciona no prédio inicialmente destinado à UPA Pacaembu (Norte), mas que se tornou incompatível para a finalidade de unidade de pronto-atendimento por apresentar inconformidades estruturais. A utilização do local foi possível mediante um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) assinado em acordo com os Ministérios Públicos Estadual e Federal, após o contrato de prestação de serviço entre o município e a Clínica Infantil Dom Bosco ter sido descontinuado a pedido da própria instituição. A unidade é administrada pela organização social Missão Sal da Terra, que também foi responsável pela reforma e adequações do local.