Absurdo de uma nova CPMF

Paulo Panossian*

O líder nas pesquisas Jair Bolsonaro (PSL-RJ) já confessou que não entende nada de economia! Até ai tudo bem… Porém, como idólatra de seu futuro ministro da fazenda, em um suposto novo governo, como o economista Paulo Guedes, este afirmou que pretende recriar o já enterrado imposto sobre o cheque, a CPMF. Ou seja, um desastre anunciado… Apesar de Bolsonaro do leito do hospital dizer que chega de impostos… Dá para acreditar?!… Na realidade, o estrago foi feito na campanha do líder nas pesquisas! E, a esse postulante ao Planalto, não resta alternativa senão de demitir seu guru econômico Paulo Guedes, caso contrário afunda seu sonho de presidir o País. Mesmo porque, o povo brasileiro não pode nem ouvir falar mais em impostos…

CORRUPTOS EM ALTA NO PAÍS

É lamentável perceber que quase 19%, ou 30 milhões de eleitores não estão nem ai para os corruptos deste Brasil! Como indica a última pesquisa Ibope, estes preferem para levar a um segundo turno do pleito, um candidato do PT, como o Fernando Haddad, exatamente membro de um partido que quebrou o País, sob as ordens do chefe da quadrilha que assaltou as nossas estatais, como o presidiário Lula. E esse poste de Lula, candidato Haddad, mesmo sendo professor da USP, sem escrúpulo algum diz que, quem quebrou a nossa economia, gerou 13 milhões de desempregados, e milhares de empresas falidas, foi o Michel Temer e o PSDB. Ou seja, mente, faz o diabo, como assim fez outro poste do presidiário, a Dilma, para chegar ao poder desta República. E, se não bastasse esse desprezo ao futuro desta Nação, preocupa também, que outros 28%, ou 41 milhões de eleitores dos 147 milhões existentes, em um País, como o nosso, que, infelizmente, arde com seus déficits públicos insustentáveis, baixo crescimento econômico, e falta de investimentos, estão preferindo apostar num medíocre deputado que, com 27 anos de mandato na Câmara, não produziu projeto algum relevante, como o Jair Bolsonaro (PSL-RJ) o tal líder nas pesquisas. Pior ainda, o seu idolatrado e futuro Ministro da Fazenda, que inclusive prepara plano o de governo, como o Paulo Guedes, anunciou que pretende recriar o imposto sobre o cheque, ou, a malfadada CPMF. Um desastre anunciado! E a certeza que, para esse economista a austeridade não é sua vocação, somente aumento de impostos… Na realidade, continuamos sem rumo, ou literalmente perdidos…

CONSUMIDOR PAGA CONTA

Os EUA, teve em 2017, um déficit na balança comercial de US$ 566,6 bilhões! Deste montante US$ 275,8 bilhões, somente com importações da China! Neste sentido, o desnaturado presidente americano Donald Trump, que surpreendeu o mundo no início deste ano ao elevar a tarifa sobre US$ 50 bilhões, de produtos chineses, agora, impõe tarifa de 10% sobre outros US$ 200 bilhões, em exportações da China! E que, no inicio de 2019, essa tarifa subirá para 25%… Porém, como na mesma moeda a China, taxou produtos americanos no início deste ano, Trump, precavido, já faz outra ameaça de taxar outros produtos chineses no valor de US$ 267 bilhões, se o governo de Xi Jinping, novamente retaliar no mesmo valor produtos importados dos EUA. O que, certamente ocorrerá… Já que o Trump, não assusta o governo chinês… Mas, além dos consumidores, quem vai levar a pior nesta guerra comercial são as grandes empresas dos EUA, que produzem nos dois países…

MOURÃO CRITICA MULHERES

Parece que as mulheres não são bem vistas pela chapa que disputa o Planalto, Bolsonaro/Mourão! Se Jair Bolsonaro (PSL-RJ) já afirmou que a mulher por ficar grávida não deve ganhar salário igual ao dos homens, agora, o seu vice o General Mourão, diz que o problema de jovens da periferia que entram para o tráfico, é porque sem os pais, são prejudicados por serem filhos cuidados somente por suas “mães e avós”. Ou, que, casa “só com mãe e avó” é “fabrica de desajustados”… Lamentável! O General, no lugar de afrontar a capacidade das mulheres criarem seus filhos, faria muito melhor se encampasse um movimento de controle rigoroso que impeça a entrada de drogas e armas pelas nossas fronteiras! Por onde, infelizmente, pouco, ou nada tem sido feito para enfrentar essa praga da criminalidade, que hoje desestabiliza a família brasileira…

TERÁ LIGAÇÃO COM O PT?

Esses US$ 16 milhões, ou R$ 66 milhões, em dinheiro, joias e relógios, que a Policia Federal, apreendeu de um filho do presidente de Guine Equatorial, Teodoro Obiang, que junto de sua comitiva desembarcou no Aeroporto de Viracopos (SP) será que não tem nenhuma ligação com suposta propina para o PT, em pleno ano eleitoral?!… Esta hipótese não deveria ser descartada! Mesmo porque, a ex-presidente Dilma Rousseff (PT), em 2013, concedeu 80% de perdão sobre uma dívida de R$ 1,9 bilhão, deste País africano com o Brasil. E, US$ 16 milhões, ou R$ 66 milhões é exatamente 4% (que pode ser de propina) sobre os 80%, ou R$ 1,53 bilhão, perdoados pela Dilma… Será que exagero?

É FALTA DO QUE FAZER

Com o Brasil ardendo em preocupante déficit fiscal que neste ano está previsto R$ 159,1 bilhões, o candidato do partido Novo, João Amoêdo, e o vice de Jair Bolsonaro, General Mourão, visando economizar recursos, sugerem que os palácios da Alvorada e do Jaburu não sejam mais utilizados. Será que desejam que o próximo presidente more na favela?!… Ora, é mesmo falta do que fazer… A questão é de racionalidade, porque, utilizando ou não a residência do presidente só de manutenção vai continuar custando R$ 430 mil por mês. E, somente o Alvorada, mesmo desocupado custaria em quatro anos R$ 20 milhões. E deveriam saber que, o rombo nas contas públicas vem das fraudes do Bolsa Família – dos benefícios do INSS – nos superfaturamentos das obras publicas em que muitas até são abandonadas, etc. Porém, o maior rombo acumulado nas contas públicas é pela ausência de uma reforma da Previdência! O resto é conversa mole…

*Jornalista – paulopanossian@hotmail.com

Prefeitura da cidade de São Paulo ignora placas adulteradas e emite multas injustas.

Daniel Marques*

A prefeitura do município de São Paulo deveria analisar o motivo de
tantos erros apresentados nas multas de rodízio aplicadas a partir de
fotografias. Somente esse ano já recebi duas notificações de multas
referente a meu veículo que nunca esteve naquela cidade, o primeiro
recurso foi apresentado e a multa cancelada, já na segunda autuação dá
pra ver claramente na foto que a placa foi adulterada de modo
grosseiro. É um absurdo que a CET – Companhia de engenharia de
tráfego- não possua funcionários capazes de distinguir uma placa
adulterada, assim evitando pontos na carteira e aborrecimentos aos
proprietários de veículos. Lembrando que esses radares custam uma
fortuna e as imagens possuem grande nitidez, cabe as autoridades
coibirem esse abuso que lesa o bolso do pobre brasileiro.

*Historiador

Polícia Federal e as eleições

A Policia Federal, que tem atuado tão bem na Lava Jato, tem agora que esclarecer os fatos recentes antes das eleições, pois eles serão decisivos para a nossa democracia.
O ataque ao sr. Bolsonaro, feito por um pedagogo, pedreiro, desempregado e filiado ao PSOL, que em menos de 24 horas preso teve ao seu alcance excelentes advogados para justificar (doente mental, medo do candidato, etc…) seu atentado. Esta estória é para despistar os verdadeiros mandantes deste crime, que devem ter nomes e sobrenomes. A perícia da PF tem que apurar antes do 1º turno e dar nomes aos bois, doa a quem doer.
A outra situação foi o avião do ditador Teodoro O. Nguema da Guiné Equatorial “aparecer” por aqui, próximo do 1º turno das nossas eleições, com 15 milhões de dólares entre joias, relógios e 1,5 milhões em papel moeda. Havia empreiteiras brasileiras trabalhando lá. Para que tanto dinheiro? Faz-nos lembrar a estória do Chaves que enviou para Argentina dólares durante a campanha dos Kirchner, e foi descoberto. Então este caso também tem que ser resolvido pela PF antes das eleições, pois depois os estragos podem comprometer a nossa Democracia!

Tania Tavares
Professora

Embolada vaga de 2º turno

Paulo Panossian*

Nesta última pesquisa divulgada (14/09) do Datafolha, uma certeza! O candidato do PSL, Jair Bolsonaro, com 26% das intenções de votos se cristaliza para o segundo turno. Já para outra vaga, tecnicamente empatados, disputam o Ciro Gomes (PDT-CE) com 13%, Fernando Haddad (PT-SP) feito um bólido chega também aos 13%, o Geraldo Alckmin (PSDB-SP) com 9%, e a Marina Silva (Rede-AC) que segue despencando está com 8%. E o desempenho por região nesta pesquisa, mostra o líder Bolsonaro, crescendo em todas. Como no Sudeste de 27% passou para 28% — no Sul de 30% para 33% – Nordeste, de 14% para 17%, e no Norte/Centro/oeste, alta de 30% para 36%. Enquanto a Marina, segue caindo em todas as regiões, o Alckmin, respira por aparelhos por uma vaga, tem pequena oscilação de 12% para 11% no Sudeste, estaciona com 7% no Nordeste, cai no Norte/Centro/Oeste de 10% para 7%, porém sobe bem no Sul, de 8% para 11%. E, a 22 dias da eleição de 07 de outubro, neste pelotão dos empatados para o segundo turno poderá haver reviravoltas, ou sobrar emoções… Espero que seja exclusivamente para o bem do Brasil!

PERSIO ARIDA PEGA PESADO

Um dos formuladores do real, o economista Persio Arida, pega pesado quando critica, em sua entrevista ao Estadão, o Paulo Guedes, responsável pelo programa de governo de Jaír Bolsonaro (PSL-RJ)! Arida, hoje, coordenador do programa econômico do postulante ao Planalto, Geraldo Alckmin (PSDB-SP) diz que o mercado se engana ao acreditar que Paulo Guedes, irá garantir a linha liberal, que denomina de farsa, de um governo como de Bolsonaro. Classifica Guedes, de mitômano… E que, nunca escreveu um artigo acadêmico de relevo, e, pior ainda, sem nenhuma experiência na administração publica. E sua proposta de sistema de capitalização para Previdência, é irresponsabilidade fiscal. E, vê risco para o País, numa provável vitória de Bolsonaro! Que também votou contra a introdução do Real (assim como fez também o PT), contra o cadastro positivo, e a favor da criação de novos municípios. Quando sabemos que dos 5.570 municípios existentes no País, 1.800 destes, com no máximo 20 mil habitantes, são deficitários, e não arrecadam nem o suficiente para pagar os servidores públicos…

BOA NOITE INDECENTE

O candidato tampão, ventríloquo, ou serviçal de Lula, Fernando Haddad (PT) promoveu na sua entrevista ao Jornal Nacional, da TV Globo, um dos momentos mais constrangedores da história politica deste País, quando ao vivo, envia para o presidiário corrupto e formador de quadrilha, um “boa noite presidente Lula”! Só faltou ao Haddad, fazer o gesto do coraçãozinho para o ex-presidente… Ou seja, este candidato do PT, ao Planalto, em delírio pelo sonho de poder, não reconhece o lamaçal petista, e tampouco concorda que o PT deveria pedir desculpas a Nação, como sugerido pelos entrevistadores! Este é o Haddad, literalmente cara de pau, que também defendeu a Dilma, ao culpar a oposição pela quebra da economia brasileira, e também sobre a herança maldita de 14,2 milhões de desempregados, etc.! Para milhões de telespectadores certamente um espetáculo dantesco! E para a história, o Haddad, passa a ser reconhecido como mais um politico que se lixa para ética, e faz até o diabo para defender um presidiário vil, e seus corruptos do PT… Que decadência!

DÚVIDA CRUEL

O que está errado? É a nossa Justiça Federal com magistrados incompetentes que não dominam a Constituição, ou o ministro do STF, Gilmar Mendes, que do alto da sua soberba, manda às favas a lei, já que, com os habeas corpus que concede, solta a granel corruptos da cadeia?!… O mais recente, o ex-governador do Paraná, Beto Richa (PSDB) e mais 13 investigados…

BRASIL DE VOCAÇÃO AGRÍCOLA

Dos 5.570 municípios do País, apenas 14 não apresentam produção agrícola. Dez destas cidades estão em São Paulo, e outras quatro em Pernambuco, Espirito Santo, e Paraíba, como demonstra um estudo do IBGE. O que, ratifica que o nosso País, tem uma vocação agrícola extraordinária, e, reconhecidamente de maior produtividade no mundo. A produção agrícola deste ano foi de 228,3 milhões de toneladas de grãos. E pouco menor do nosso recorde de 238,3 milhões de toneladas de 2017. De janeiro a agosto deste ano exportamos US$ 68,5 bilhões, ou R$ 275 bilhões, deixando um superávit na balança comercial de US$ 59 bilhões, ou R$ 236 bilhões. O Estado de São Paulo, tem na cana-de-açúcar, e no café seu carro-chefe, e representa 16,6% de toda produção agrícola nacional. Em segundo vem o Mato Grosso, com 13,6% – Paraná, com 11,9% e Minas Gerais com 9,8%. Como curiosidade, 5.107 municípios plantam milho. Em 4.598 cidades, mandioca, e 4.390 o feijão. É sempre bom lembrar que, graças aos competentes pesquisadores da Embrapa, é que a nossa produção é das maiores do mundo. E aos determinados fazendeiros o grande mérito da pujança agrícola, porque há anos enfrentam sérias dificuldades para o escoamento da produção, pelos caos das estradas, da falta de ferrovias, e hidrovias, encarecendo seus custos. E agora, esses produtores vão enfrentar também outro problema com a absurdo tabelamento, e majoração do frete…

*Jornalista – paulopanossian@hotmail.com

Cinco anos que sacudiram o País

Paulo Panossian#

A menos de 30 dias do importante pleito de 07 de outubro, no qual, vamos, e se possível com responsabilidade, escolher deputados estaduais, federais, senadores, governadores e principalmente o novo presidente da República, convido os leitores a revisitar relevantes acontecimentos que ocorreram entre 2013 a 2018, incluindo as positivas manifestações populares pelas ruas e avenidas do País! Como em 2013, o povo nas ruas contra a corrupção, o elevado preço das passagens do transporte urbano, etc. Evento esse popular importante que antecedeu a histórica e maior caça aos corruptos, iniciada em 2014, envolvendo o MPF, e a Polícia Federal, o judiciário, como das operações da Lava Jato. Que, com o sucesso de dezenas de operações, contabiliza mais de 200 figuras de destaque do mundo politico e empresarial, que investigados, foram condenados, e muitos já presos, como o formador de quadrilha, e corrupto Lula. Em março de 2015, indignados com a classe política, mais de 2 milhões de pessoas saíram às ruas, assim também, em março de 2016, ocorreu outra manifestação popular, que conforme a policia militar, 3,6 milhões de pessoas surpreenderam o País, quando exigiam o imediato impeachment da Dilma Rousseff (PT). Presidente esta, que, desgraçadamente protagonizou a pior recessão econômica da nossa história. Quando o nosso PIB, entre 2015 e 2016, teve um tombo de 7,2%, milhares de empresas faliram, gerando um contingente histórico de 14,2 milhões de desempregados. E que, até hoje, o povo está pagando por esta perversidade da gestão do PT. Porém, e finalmente, em 12 de maio de 2016, a Dilma foi afastada do cargo, e Michel Temer, seu vice assumiu o Planalto. E, em 31 de agosto deste mesmo ano, a presidente sofreu seu impeachment no Congresso. O mérito de Temer, foi montar uma equipe econômica competente, que logo teve apoio do mercado! Mas, o buraco que a Dilma deixou nas contas públicas, que, em 2016, foi de déficit de R$ 169 bilhões, levará mais alguns anos para eliminar esse rombo nas contas públicas. Como consequência o nível de investimento ruiu, e obras foram paralisadas, etc. Porém, um forte corte de gastos foi implementado, desde o combate às fraudes do Bolsa-Família, seguro-desemprego, auxílio-doença etc., em que, o governo conseguiu economizar mais de R$ 20 bilhões. E para tentar estancar as despesas também, em boa hora, foi aprovado no Congresso, o projeto do Teto dos Gastos, limitando a liberação de verbas do orçamento, calcado no índice inflacionário passado e crescimento do PIB. Modestamente em 2017, o desemprego foi diminuindo, o PIB cresceu 1%, juros caíram, e a inflação despencou. A importante e inadiável reforma da Previdência enviada pelo Planalto, ao Congresso, que já estava engatilhada sua aprovação, infelizmente foi adiada, porque o ex-PGR, Rodrigo Janot, armou uma cilada contra o Temer, ao utilizar o diretor da JBS, Joesley Batista, para que, este gravasse um áudio com o presidente, diga-se, de péssima qualidade e inaudível, mas, que colou para opinião publica como comprometedor… Nesse embalo, Temer, foi denunciado por duas vezes, e por pouco não foi deposto. E, em meio a uma crise política, para piorar, a nossa economia que vinha crescendo a uma velocidade que poderia pela previsão dos analistas crescer neste ano 3%, e alta na criação de empregos, sofreu um duro golpe com a greve dos caminhoneiros no mês de maio deste ano. Que por 11 dias gerou total desabastecimento, e impediu o bom andamento do setor produtivo. E devido a esta estúpida greve o nosso PIB, deverá no máximo crescer 1,5% em 2018. E finalmente nas portas da eleição, com o horário politico no Radio e na TV, em curso, o líder nas pesquisas Jair Bolsonaro (PSL-RJ) sofre um atentado, em Juiz de Fora (MG), quando um cidadão em meio ao povo lhe acerta uma facada no intestino. Será um crime politico, ou apenas um maluco que era contra o Bolsonaro?!… De qualquer forma ruim para democracia. Mas, podemos reverter esse clima negativo no próximo pleito de 07 de outubro, se os eleitores com responsabilidade escolherem um novo presidente comprometido com o desenvolvimento do Brasil…

CIRO SOBERBO E RADICAL

Ciro Gomes (PDT-CE) está se mostrando um incendiário, e um risco para nossa sociedade se vencer o pleito de outubro, para o Planalto.  Soberbo e radical, sabatinado no jornal O Globo, fez duras criticas a dois generais, como ao comandante do Exército, Eduardo Villas Boas, mais em função sobre o teor de que sua entrevista ao Estadão, dizendo que, em seu governo seria  “demitido e pegaria cana”, e ao vice de Jair Bolsonaro (PSL-RJ) General Mourão, disse ser “um jumento de carga”.   Já imaginaram esse Ciro, inconsequente e boca suja como presidente do Brasil?! Cruz credo!  É o mesmo candidato que promete jogar no lixo as importantes reformas feitas pelo atual governo, como a “trabalhista” que modernizou a relação capital/trabalho, a do “teto dos gastos” sem a qual, hoje, o rombo nas contas publicas, de herança petista, que neste ano terá um déficit de R$ 159 bilhões, teria duplicado. E também, muito íntimo do Lula, e do PT, promete fazer uma reforma da Previdência, em regime de capitalização, ineficiente e inadequada para o nosso País. Pior ainda, para um político com esse comportamento autoritário, como do Ciro Gomes, que dificilmente terá apoio do mercado e menos ainda do nosso Congresso, para aprovar importantes e inadiáveis reformas constitucionais…

PESQUISA RUIM PARA TUCANO

Enquanto o Jair Bolsonaro (PSL-RJ) nada de braçada para chegar ao segundo turno, já que, lidera esta corrida presidencial para o Planalto, com 26%, como indica a última pesquisa o Ibope, o quadruplo empate técnico para segunda vaga do segundo turno, como de Ciro Gomes (PDT-CE) com 11%, Marina Silva (Rede-AC) e Geraldo Alckmin (PSDB-SP) com 9%, e Fernando Haddad (PT-SP) com 8%, será uma disputa bem complicada principalmente para o candidato tucano, que vai precisar crescer muito em seu reduto, o Estado de São Paulo.  Que na última pesquisa Datafolha, Alckmin, tinha apenas 18%, e vai precisar no mínimo alcançar 35% dos 33 milhões de eleitores do seu Estado, para tentar disputar o segundo turno. Isso levando em consideração que na pesquisa do Ibope, o tucano tem 9% nas regiões Norte/Centro-Oeste, 7% no Nordeste, 8% no Sul, e no Sudeste, míseros 10%.  E agora com seu colega de partido, o ex-governador do Paraná, Beto Richa, preso, e outro tucano como Reinaldo Azambuja, governador do Mato Grosso do Sul, que sofreu busca e apreensão da Policia Federal, por fortes indícios de corrupção, a tarefa de Geraldo Alckmin, para convencer o eleitorado fica redobrada…

 

,

ELEITOR MAIS MADURO

A facada, que, infelizmente levou o Jair Bolsonaro (PSL-RJ) não atingiu o eleitor! Apesar da forte reação do povo brasileiro contra esse horrível atentado, na pesquisa Datafolha, como muitos até especialistas em campanha eleitoral esperavam, o candidato Bolsonaro, cresceu pouco na preferência do eleitorado, como de 22% da pesquisa anterior para 24%. O que demonstra que o eleitor está mais maduro, e não está decidindo de forma emocional! Por outro lado, nesta mesma pesquisa, acende o sinal vermelho para Marina Silva (Rede-AC) que despencou verticalmente em todas as regiões do País, caindo de 16% para 11%. Vale destacar que melhor está para Ciro Gomes (PDT-CE) que de 10% subiu para 13%, crescendo bem nas regiões Norte – Nordeste- Centro/Oeste, e caiu um pouco no Sul, e praticamente estacionou no Sudeste. Já o Geraldo Alckmin (PSDB-SP) cresceu bem no Norte, Nordeste, Centro/Oeste e Sul, porém, estacionou no Sudeste. Já o líder nas pesquisas Jair Bolsonaro, não cresceu no Sul, Nordeste e Centro/Oeste, mas, cresceu no Norte e Sudeste. E o Fernando Haddad, somente confirmado nesta terça-feira dia 11/09 como candidato do PT, apareceu com 9%, e a pesquisa anterior de forma alguma deveria servir de parâmetro. Mas, uma advertência, pelos números apontados por esta pesquisa do Datafolha em todas as regiões do País, esse crescimento do Ciro Gomes, e do Alckmin, deveria preocupar o candidato Bolsonaro, de inclusive chegar ao segundo turno…

MARINA DESESPERADA

Lamentável, que, a candidata Marina Silva (Rede-AC) somente depois que despencou na preferência do eleitorado em todas as regiões do País, como indica a última pesquisa Datafolha, que, de 16% caiu para 11%, é que teve a coragem de finalmente reconhecer que o presidiário Lula, que está encarcerado há 5 meses, é corrupto… Demorou Marina!

Jornalista – paulopanossian@hotmail.com

Free WordPress Themes, Free Android Games