Promiscuidade generalizada

Paulo Henrique Coimbra de Oliveira*

A classe política além dos esquemas de corrupção roubando dinheiro do governo são pegos em flagrante gastando dinheiro público em bordeis.E não são raros tais comportamentos. Recente pesquisa na China indica que as prostitutas são mais confiáveis que os políticos. É óbvio que se esta pesquisa fosse feita no Brasil daria o mesmo resultado, considerando o caráter licencioso de nossa classe política . A inesperada importância das prostitutas na lista de honra é sem dúvida algo muito raro além de surpreendente e constrangedor. E tem na sua lista de promíscuos altas autoridades do país não escapando nem os presidentes da república

NOSSO POÇO NÃO TEM FUNDO

O poço ou fossa brasileira começou a ser cavada quando Sarney assumiu a Presidência. Lá se vão mais de 30 anos. Num momento de rara lucidez senão único declarou que a Constituição promulgada em 1988 tornava o Brasil ingovernável. E foi o que aconteceu.Nossa situação melhorou um pouco nos governos Itamar/FHC quando conseguiu-se organizar pelo menos a economia. Mas a corrupção campeava a solta. Escândalos em profusão desde compra de votos a anistia e concessão de pensões a criminosos políticos e o início das exorbitantes mordomias nos 3 poderes.E o poço da sem vergonhice continuou nos governos do PT e Temer .Haja areia para cobrir este poço , ou melhor, fossa.

*Economista

Uma decisão boa outra ruim

Paulo Panossian*

A presidente do Supremo, ministra Carmem Lúcia, tomou duas decisões nestes últimos dias! Uma boa, atendendo o Conselho da OAB, na qual, concedeu liminar suspendendo as novas regras nos planos de saúde, como da cobrança de 40% por cada procedimento realizado, que iriam afetar 47,1 milhões de beneficiários! E, outra ruim, ou péssima, para as contas publicas, em que, a ministra pressionou o Congresso, enviando até carta aos parlamentares, para que não proibissem na votação do relatório da LDO, a concessão de reajuste para o funcionalismo publico em 2019! E atenderam… E infelizmente, foi aprovado no plenário da Câmara, e vai gerar despesa da ordem de R$ 17,5 bilhões, onerando os já combalidos cofres públicos no próximo ano. A meu ver, Carmem Lúcia, se mostra incoerente, ao dar uma no cravo e outra na ferradura! E, apesar de belo texto ao firmar sua decisão sobre os efeitos negativos do reajuste nos planos de saúde, em que diz “Saúde não é mercadoria. Vida não é negócio. Dignidade não é lucro”, porém, o possível reajuste do funcionalismo público em 2019, que a ministra de forma corporativa defende, certamente vai afundar ainda mais as contas publicas, e caos na nossa economia! E piorar significativamente a vida, saúde, e dignidade do povo brasileiro! Pelo amor de Deus, está na hora de parar de brincar com esta Nação…

INIMIGOS DA PÁTRIA

Infelizmente, estão dentro das nossas instituições, os verdadeiros inimigos da Pátria. Não bastasse a irresponsabilidade dos presidentes do Senado, Eunício de Oliveira (MDB), e da Câmara, Rodrigo Maia (DEM) que não medem esforços para colocar em votação pautas bombas que até aqui já aumentaram descaradamente em R$ 100 bilhões, as despesas do governo, e que, certamente vão deteriorar ainda mais o déficit nas contas publicas, agora, e em conluio com o judiciário, pretendem elevar também, o teto salarial do funcionalismo dos atuais R$ 33,7 mil para R$ 38 mil. Coincidência ou não, essa diferença é exatamente a mesma do valor do excrescente auxílio-moradia de R$ 4,3 mil, que magistrados e outros privilegiados das nossas instituições recebem, e que agora, pretendem perpetuar inserindo esse valor no salário… Não é com esses inimigos da Pátria, que um dia este País, vai dar certo…

*Jornalista – paulopanossian@hotmail.com

Nosso poço não tem fundo

Paulo Henrique Coimbra de Oliveira*

O poço ou fossa brasileira começou a ser cavada quando Sarney assumiu a Presidência. Lá se vão mais de 30 anos. Num momento de rara lucidez senão único declarou que a Constituição promulgada em 1988 tornava o Brasil ingovernável. E foi o que aconteceu.Nossa situação melhorou um pouco nos governos Itamar/FHC quando conseguiu-se organizar pelo menos a economia. Mas a corrupção campeava a solta. Escândalos em profusão desde compra de votos a anistia e concessão de pensões a criminosos políticos e o início das exorbitantes mordomias nos 3 poderes.E o poço da sem vergonhice continuou nos governos do PT e Temer .Haja areia para cobrir este poço , ou melhor, fossa.

PROMISCUIDADE GENERALIZADA

A classe política além dos esquemas de corrupção roubando dinheiro do governo são pegos em flagrante gastando dinheiro público em bordeis.E não são raros tais comportamentos. Recente pesquisa na China indica que as prostitutas são mais confiáveis que os políticos. É óbvio que se esta pesquisa fosse feita no Brasil daria o mesmo resultado, considerando o caráter licencioso de nossa classe política . A inesperada importância das prostitutas na lista de honra é sem dúvida algo muito raro além de surpreendente e constrangedor. E tem na sua lista de promíscuos altas autoridades do país não escapando nem os presidentes da república.

*Economista

Preocupante aumento nos casos de suicídio e depressão

Daniel Marques*

Venho reparando que pegamos a comida congelada, rapidamente
descongelamos, esquentamos e comemos. Está em extinção aquele ritual
de esperar esfriar, esquentar e cozinhar lentamente. A maioria das
pessoas vivem em função de seus celulares e até nas reuniões
familiares ou nos almoços com colegas de trabalho são raros diálogos
ou aquelas conversas agradáveis sobre o passado e as perspectivas de
futuro. Não vemos crianças brincando nas ruas, conversas no portão.
Somos visíveis automaticamente em telas e as crianças brincam sozinhas
em mundos virtuais que nunca estivemos. Vivemos a era do instantâneo,
do rápido e do disponível à apenas uma tecla. E toda essa facilidade
só demonstra que hoje temos tudo e apesar disso, estudos comprovam o
aumento nos casos de suicídio e depressão em todos os países, pois nos
falta tempo pra aproveitarmos as coisas simples e prazerosas da vida.
Estamos aprendendo com as máquinas a respondermos somente o
necessário, vivermos em padrões e tempos estabelecidos. É preciso que
sigamos devagar pra conseguirmos divagar sobre a vida.

*Historiador

Nossos javalis

Imaginem se na caverna de Tham Luang estivessem Lula, Dirceu, Favreto, Lewandovski , Gilmar, Toffoli, Gleisi, FHC, Temer, Sarney, Renan ,Eunício e Maia ( entre outros )qual seria a reação do povo brasileiro. Deixa-los lá para o sempre ou cumprir pena nos presídios de segurança máxima ? Comparando-os a javalis não vejo diferença. São e foram os predadores de nosso país.

Iria de Sá Dodde
Professora

Punir corrupção privada

Paulo Panossian*

Uma ótima notícia! A rede de entidades públicas e privadas, a Estratégia Nacional de Combate à Corrupção (Encela), elabora um anteprojeto que prevê a criminalização da corrupção privada no País, como divulga o Estadão. Esse é um projeto que prevê penas de 2 a 12 anos de prisão! E se aprovado no Congresso, poderá estancar e muito a corrupção no Brasil, e influir na observância da ética nas nossas instituições. Já que, a propina corre solta em muitos setores da atividade econômica privada entre compradores e fornecedores. E que, infelizmente, até aqui, não tivemos a coragem de enfrentar e penalizar os corruptos do setor privado. Já que, em muitos casos, de tão alta propina, interfere no preço final do produto prejudicando o consumidor! Uma verdadeira praga que precisa ser estancada… O importante, é que se dê ampla publicidade a esse projeto, como faz antecipadamente o Estadão, para que a sociedade brasileira no momento certo, em função de sua urgente aprovação, pressione o nosso Congresso…

INCOMPETENTE M. FRANÇA

O governador tampão de São Paulo, o Márcio França (PSB), demonstra não estar a altura de ocupar o Palácio Bandeirantes. Já que, por falta de apoio do prefeito da Capital, Bruno Covas, à sua candidatura a reeleição em outubro, se mostra vingativo, e cria barreiras para privatização do Parque do Ibirapuera, já no forno para ser lançado seu edital! E como desculpa esfarrapada, afirma que esse projeto não foi bem discutido. Ora, esse projeto foi muito bem discutido e autorizado pelo ex-governador Geraldo Alckmin, desde que João Doria era o prefeito. E, é bom lembrar que Márcio França, sem o capital politico do tucano Alckmin, não teria projeção alguma na vida pública, apesar ter sido prefeito de São Vicente (SP). Este governador tampão, mal agradecido, trai também Alckmin! Pior do que isso, com a suspensão do edital, prejudica outros 5 parques, e milhares de munícipes como dos bairros populosos de Pirituba e Campo Limpo, em que o vencedor desta privatização terá contratualmente a responsabilidade de fazer melhorias. Na realidade, Márcio França, não nega a vocação de seu partido, o PSB, histórica e umbilicalmente ligado ao PT. Que inclusive em Pernambuco, já fechou aliança, se declarando publicamente apoio a suposta candidatura de Lula (o inelegível…). Não por outra razão que França, se coloca contra privatizações, assim como seu partido também é contra a reforma inadiável da Previdência…

TUCANOS ESTÃO DOIDOS

O PSDB, das grandes reformas constitucionais desde a gestão FHC, e que sempre defendeu austeridade e equilíbrio nas contas públicas, como vai explicar agora para o eleitor, que, dos 25 deputados do partido presentes no dia da votação na Câmara, do texto da LDO de 2019, 20 deles votaram a favor de conceder reajuste a servidores públicos no próximo ano?!… Os tucanos estão doidos… Já que, é uma desastrosa contradição para um partido como do PSDB, que deseja voltar a governar o País. E, esse desprezo às contas publicas, ocorre num momento em que temos 13,2 milhões de desempregados, e um déficit fiscal devastador…

*Jornalista – paulopanossian@hotmail.com

Free WordPress Themes, Free Android Games