Comitê para Enfrentamento à Covid-19 tem promovido diversas ações para preparação de equipes e adequação dos espaços visando a uma maior eficácia no tratamento dos pacientes infectados pelo novo coronavírus

Segundo superintendente, expectativa é de criar 28 novos leitos, em até 30 dias. (Foto: Milton Santos)

Desde que foram anunciados os primeiros casos de contaminação pelo novo coronavírus na China, o Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU) está se organizando para essa nova realidade. No dia 30 de janeiro, foi criado o Comitê para Enfrentamento à Covid-19, composto por representantes de diversos setores do hospital e que vem avaliando estratégias para preparar a instituição e suas equipes no combate à pandemia.
Entre as medidas já postas em prática, está a reserva de leitos exclusivos para tratamento da Covid-19, com realocação de serviços e de profissionais para fortalecer o atendimento. Já são 16 leitos na Cirúrgica V, oito na Pediatria, além de três leitos de UTI adulto e um de UTI pediátrico.
Paralelamente a isso, junto à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), o hospital planeja a ampliação de mais 28 leitos, em até 30 dias. De acordo com a médica Aglai Arantes, superintendente do HC-UFU, “esses leitos já estão construídos no Setor de Oncologia, totalizando mais oito de UTI e 20 de enfermarias”.
Em outra frente, desde esta quarta-feira (01º/04), foi reorganizada a porta de entrada do Pronto-Socorro, disponibilizando abertura de Pronto-Atendimento Médico (PAM) com equipe médica e multiprofissional para realizar a triagem e o atendimento exclusivo aos pacientes com sintomas respiratórios.
Aglai Arantes comenta, ainda, que o Setor de Corte e Costura está confeccionando máscaras cirúrgicas e aventais para contribuir com a proteção dos profissionais que atuam junto aos pacientes. “Também estamos captando recursos para novas aquisições de Equipamentos de Proteção Individual (EPI’s) e insumos”, complementa a superintendente.

Treinamentos

Outra preocupação da equipe de gestão é a constante capacitação dos recursos humanos do hospital. Segundo Arantes, mais de 700 profissionais já receberam treinamentos presenciais pelo Núcleo Hospitalar de Epidemiologia, Comissão de Controle de Infecção Hospitalar e Serviço de Infectologia. Essas equipes técnicas seguem oferecendo diariamente capacitações on-line, duas vezes por dia, com participação de até 100 profissionais.
Para diminuir o fluxo e a circulação de pessoas, foram suspensas, desde o dia 24 de março, as visitas aos pacientes internados e a permanência de acompanhantes, exceto para pacientes com alta dependência – conforme definido pela equipe de enfermagem – e para aqueles que pertençam aos grupos definidos em lei, como crianças e adolescentes, mulheres grávidas e em pós-parto, pessoas com deficiência e idosos.
Também desde o último dia 24, foi ampliado o horário de atendimento do Núcleo Hospitalar de Epidemiologia, funcionando agora em período integral – ou seja, 24 horas por dia. Com o reforço de mais profissionais na equipe, o NHE presta esclarecimentos e orientações quanto às notificações dos casos suspeitos e confirmados para Covid-19 no HC-UFU.

Free WordPress Themes, Free Android Games