Além disso, mais de 33 mil bueiros foram limpos, 10 mil km de áreas foram capinadas e 150 mil km de ruas foram limpos

Valter de Paula – Secom/PMU

Destinar corretamente os entulhos, manter a cidade mais limpa e combater o mosquito Aedes aegypti são diretrizes trabalhadas diariamente pela Prefeitura de Uberlândia para a garantia da limpeza urbana e bem-estar da população. Um balanço da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbanístico aponta que mais de 158 mil toneladas de materiais poluentes foram recolhidos de vias, bueiros e terrenos nos últimos 14 meses.

prefeito Odelmo Leão explica que são dez frentes de trabalho diárias, com empenho de um grande número de servidores. “Manter a cidade limpa e cuidar do meio ambiente é uma das prioridades da nossa gestão. É por isso que o serviço de limpeza em Uberlândia é feito por meio de uma força-tarefa, onde juntamos os esforços de vários agentes em prol da população. Os dados mostram índices alarmantes de descarte irregular. Precisamos do apoio de todos, ainda mais nesse momento de grande incidência de casos de dengue”, disse.

Desde janeiro do ano passado até os últimos dias, a gestão municipal realizou a limpeza de 33.182 bueiros, varreu 150 mil quilômetros de ruas, notificou 39 mil proprietários de terrenos a limpar suas áreas, capinou (de forma manual e mecanizada) quase 10 mil km de áreas. Com 39 tratores em atividade, a roçagem totalizou 63,5 mil horas trabalhadas. Sem contar um total de 19,9 mil caçambasretiradas nos Ecopontos. Além disso, mais de 300 mil pneus foram recolhidos de terrenos e vias públicas.

Araípedes Luz – Secom/PMU 

Combate ao descarte irregular

Um dos grandes desafios da administração municipal é o combate diário ao descarte irregular de resíduos. Neste período, a Prefeitura recolheu 158.023,12 toneladas de entulhos por todas as regiões da cidade. A situação gera um gasto anual de cerca de R$ 10 milhões para o Município.

Para coibir o descarte irregular de lixo, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbanístico realiza, em parceria com a Polícia Militar de Meio Ambiente, fiscalizações diárias em 159 pontos críticos. Só em 2018, foram lavradas 1,7 mil autuações. O flagrante acarreta multa que varia de R$ 131 a R$ 1.260, podendo ser dobrado em caso de reincidência.

Valter de Paula – Secom/PMU

“O Município tem feito a sua parte e os dados comprovam essa preocupação sistêmica com a limpeza urbana da cidade. Mais uma vez, reiteramos nosso pedido para que a comunidade faça a sua parte, descartando corretamente os seus resíduos e comunicando à Prefeitura casos de desrespeito com o meio ambiente”, explicou o secretário à frente da pasta, João Batista Ferreira Júnior. A comunidade pode contribuir com denúncias por meio do telefone 3239-2800 ou no link Fale Com o Governo.

LIMPEZA EM NÚMEROS

Bueiros

2018 – 31.965

Janeiro e fevereiro de 2019 – 1.217

Varrição de ruas

2018 – 128.681 quilômetros

Janeiro e fevereiro de 2019 – 21.334 quilômetros

Caçambas retiradas dos Ecopontos

2018 – 17.415

Janeiro e fevereiro de 2019 – mais de 2.500

Capina manual e mecanizada

2018 – 8167 quilômetros

Janeiro e fevereiro de 2019 – 1653 quilômetros

Roçagem

2018 – 48.858 horas trabalhadas

Janeiro e fevereiro de 2019 – 15.062 horas trabalhadas

Notificações de limpeza de terrenos

39 mil

Cidade Limpa – Janeiro e Maio de 2018

– 14,5 mil toneladas de materiais recolhidos

– 30 bairros atendidos

Cidade Limpa – Janeiro e Fevereiro de 2019

– 22 toneladas de materiais recolhidos

– Quatro bairros e três distritos atendidos até o momento

Ações gerais durante o ano de 2018 (Mutirão Cidade Limpa e Pontos Críticos)

– 135 mil toneladas de materiais recolhidos

Alex Rocha e Vinícius Romário

alexrocha@uberlandia.mg.gov.br

viniciusromario@uberlandia.mg.gov.br

(34)3239-2441

Free WordPress Themes, Free Android Games