Cleiton Borges – Secom/PMU

A Secretaria Municipal de Educação continua a receber itens de hortifruti da agricultura familiar. Os itens são distribuídos nas 121 escolas municipais e usados na merenda servida para cerca de 60 mil alunos da rede. Com esta ação, é possível enriquecer ainda mais o lanche produzido nas unidades, incluindo ingredientes mais frescos e saudáveis ao cardápio desenvolvido pelos nutricionistas da Prefeitura de Uberlândia. Outro benefício é a possibilidade de melhoria da renda familiar dos pequenos e médios produtores rurais.

Ao todo, são quase 20 produtos recebidos, como mel, alface, banana, melancia e inhame, por exemplo. A entrega dos gêneros ocorre nas segundas e terças-feiras na Diretoria de Armazenagem e Distribuição (DAD) do Município. Ao chegar, os produtos são imediatamente distribuídos em 10 lotes e entregues às escolas.

“A merenda é um item muito importante, determinante por sua contribuição ao processo de ensino e de aprendizagem. O prefeito Odelmo Leão sabe disso e exige que dediquemos uma atenção especial à alimentação dos estudantes. Então nossa intenção é aprimorar ainda mais o que é servido nas escolas, despertando nos meninos e meninas o gosto por alimentos saudáveis e nutritivos”, disse a secretária de Educação, Célia Tavares.

Agricultura familiar

O recebimento e o fornecimento para as escolas dos alimentos da agricultura familiar obedecem à Resolução 26/2013, do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), vinculado ao Ministério da Educação (MEC). O documento regulamenta que, do total dos recursos financeiros repassados pelo FNDE, no âmbito do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae), no mínimo 30% deve ser utilizado na aquisição de gêneros provenientes da agricultura familiar.

A Política Nacional da Agricultura Familiar e Empreendimentos Familiares Rurais foi implantada pela lei 11.326/2006. A agricultura familiar possui dinâmicas e características distintas se comparada com a agricultura tradicional. Na primeira modalidade, a gestão da propriedade é feita pela família e a atividade produtiva agropecuária é a principal fonte geradora de renda. Isto permite que tais agricultores tenham ligações particulares com a propriedade rural, seu local de trabalho e de moradia.

Free WordPress Themes, Free Android Games