Marco Crepaldi – Secom/PMU

Terminou sexta-feira (13), o primeiro curso gratuito de piscicultura oferecido pela Prefeitura de Uberlândia, por meio da Secretaria de Agropecuária, Abastecimento e Distritos (SMAAD). A iniciativa, realizada no Centro Tecnológico de Aqüicultura Familiar (Cetaf) é resultado de uma parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar/Minas).
O curso teve como objetivo estimular e aprimorar o conhecimento em relação às técnicas de criação de peixes em tanques escavados. Durante as aulas, os alunos tiveram ensinamentos teóricos e práticos de manuseio, criação, alimentação, preparação dos reservatórios e cuidados com a água. Foram 40 horas de carga horária.
Lúcio de Sales Monteiro já estuda técnicas que visam o cultivo de tilápias, rãs e camarões de água doce, e, quando soube do curso oferecido pela prefeitura, aproveitou para inscrever-se. Segundo ele, o aprendizado adquirido somará muito em sua formação. “Foram aulas fundamentais para mudar a minha visão. Notei que com essas técnicas, o cultivo de peixes se torna mais profissional e os resultados são ótimos”, afirmou Lúcio.

Oportunidades

Para quem tem interesse em investir no ramo, o curso de piscicultura abordou como o processo deve ser realizado, tratando das questões práticas, estrutura dos tanques, localização e das questões legais. Os métodos para prosseguir com o trabalho, respeitando as exigências e sem prejudicar o meio ambiente, também foram abordados.
“O resultado do curso foi ótimo e pudemos transmitir o conhecimento para que os interessados nessa área tenham bons resultados. Toda atividade realizada com embasamento teórico e prático fica mais perto de ter sucesso. O Município está de parabéns pela iniciativa”, afirmou a instrutora do Senar, Amônia Silva Oliveira.

Expandir o conhecimento

O produtor rural Walteir de Sales Monteiro veio de Cachoeira Dourada (GO) para participar do curso e disse que irá investir na área da piscicultura. “Eu tenho um tanque e crio alguns peixes, mas não era nada profissional. Esse curso abriu minha cabeça e me mostrou que fazendo de uma forma correta, os resultados e qualidade aumentam muito”, ressaltou.

Novo Agro, novas edições

O curso de piscicultura segue um dos cinco pilares do Programa de Desenvolvimento de Novos Negócios Rurais, com foco na gastronomia, turismo rural, agroindústria de pequeno porte, agroecologia e criação de peixes. A iniciativa foi lançada no fim de 2017 pelo prefeito Odelmo Leão, conduzida em parceria entre a SMAAD e a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Turismo (Sedeit).
“Seguimos nessa linha, buscando levar o aprimoramento profissional para colhermos os melhores resultados possíveis. Cursos como esse também servem para expandir o conhecimento, que pode ser repassado. O aluno ganha, o produtor rural ganha e o Município também se beneficia. Por isso, a intenção é realizar outras edições do workshop de psicultura”, disse a secretária de Agropecuária, Walkíria Naves.

Mais de 300 mil peixes

Localizado na rua Sudepe, 1410, no setor das Chácaras Tubalina, o Cetaf funciona junto à sede da Ferub (Fundação de Excelência Rural de Uberlândia). Ao todo, mais de 300 mil peixes são cultivados nos 33 tanques abrigados pelo local, entre espécies como carpas, pacu-caranha, lambari, tilápia, tamabacu e piauçu. Para outras informações do curso, basta entrar em contato pelo 3215-2044 (Aquário Municipal), pelo 3232-4336 e 3232-4165 (anexo da secretaria de Agropecuária), ou diretamente no Cetaf, pelo telefone (34) 3234-1362.

Free WordPress Themes, Free Android Games