Ascom/PMA

A Prefeitura de Araguari, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo, dá continuidade às obras do Corredor Turístico na Av. Mato Grosso, em frente à Delegacia Regional de Polícia Civil, construindo a pista de concreto para caminhada e a ciclovia.

“Conforme dissemos anteriormente, o Corredor Turístico tem continuidade agora, aqui na Av. Mato Grosso, próximo à Estação Rodoviária, com a concretagem da pista de caminhada e da ciclovia. Logo em seguida, iremos fazer os canteiros subseqüentes, cada qual com a parceria estabelecida. Queremos contribuir para o bem-estar e o lazer dos munícipes,”relatou Júberson dos Santos Melo, Secretário da pasta.

O Prefeito Municipal avalia como positiva as obras do Corredor Turístico de Araguari, em função da valorização dos espaços onde todos têm igual oportunidade de lazer e de realizar atividades físicas.

“Sabemos que o Corredor Turístico em Araguari já é motivo de comentários positivos dentro e fora de nosso município. E isso é apenas o começo. Estamos trabalhando diuturnamente para oferecer uma melhor qualidade de vida para nossa população, criando e desenvolvendo espaços para prática esportiva, por exemplo,” comentou Marcos Coelho (MDB).

Para Helder de Lanes Pinto, comerciante da Av. Mato Grosso, a obra é muito boa, em especial em relação à mudança do visual: “Essa obra vai melhorar bastante o visual da avenida, por onde entra e sai muita gente de várias cidades, como de Caldas Novas. Além disso, será uma opção a mais para que a população possa ir caminhar, correr, passear,” comentou.

A empresa FK Parque de Veículos é a responsável pela obra – de cerca de 150-160 m – neste canteiro. É importante ressaltar que a pista de caminhada e a ciclovia estão sendo colocadas de forma a desviar das árvores, evitando-se, assim, sua supressão. E entre a pista de caminhada e a ciclovia será realizado um paisagismo. Terminada a ação, a Prefeitura fará a limpeza e a manutenção do espaço, com corte de grama, etc.

“Esclarecemos que os canteiros que receberão a pista de caminhada e a ciclovia foram liberados pelas Secretarias de Planejamento e Obras. Sobretudo, está sendo observada a questão ambiental, visto que nenhuma árvore foi cortada. Estão também sendo observados os parâmetros da mobilidade urbana, a espessura da pista de caminhada e da ciclovia, respeitando também o espaço de 1,20 na ciclovia,” acrescentou Júberson dos Santos Melo.

Free WordPress Themes, Free Android Games