Paulo Panossian*

Depois de 31 anos, o Banco Central, na última reunião do Copom de 2017, reduz a taxa básica Selic, de 7,5% para 7% ao ano. Só que este fato histórico, e importante para economia brasileira, não foi conquistado na base da canetada, como fixou em 7,25% a Selic em outubro de 2012, a incompetente presidente Dilma. O presidente do BC, Ilan Goldfajn, com competência e respeitando as regras de mercado, consegue com seus pares do Copom, esta façanha de derrubar esta taxa básica que em outubro de 2016, estava em 14,25%, para sonhados 7%. Este resultado está em perfeita harmonia com a boa recuperação da nossa economia, que saindo da recessão deve ter um crescimento do PIB, de pouco mais de 1% neste ano! E como anunciou o BC, em fevereiro a Selic, pode cair para 6,75%. Queda de juros boa para incentivar o consumo e investimentos, e também diminuir as despesas de pagamento de juros sobre a dívida pública…

BOM MESMO É PRIVATIZAR

Empresa nas mãos do setor público é sinônimo de prejuízo! Nesse sentido fez bem o prefeito de São Paulo, João Dória (PSDB) aprovar na Câmara Municipal, a privatização do complexo do Anhembi. Que certamente nas mãos do setor privado será modernizado, beneficiando os grandes eventos que lá são realizados. E com o grande volume de recursos que a prefeitura poderá receber desta privatização, o prefeito terá condições de investir em setores prioritários clamados pelos munícipes, como na saúde, educação, saneamento básico, mobilidade urbana, etc. Além de, eliminar também, mais um nicho de cabide de empregos e corrupção! Ou seja, ótimo para Capital…

*Jornalista – paulopanossian@hotmail.com

Free WordPress Themes, Free Android Games
%d blogueiros gostam disto: